Supernova

Nascida, predestinada à luz ao brilho e claridão, a quem Deus incumbiu à missão de cantar ao coração

Fortalecida ao dom da palavra onde em nada se encontrava, ali ela se fez presente e hoje pra sempre

Por muito caminhar ela alcançou, foi por caminhar e não correr que não cansou e seguiu a diante, sua vida brilhava em seus olhos como diamante

Pra felicidade de muitos ela chegou como a primeira vez, a todos fez feliz não só por uma vez

Seu nome é Amy, pois assim quiseram e ficou lindo

Ela brilhava tanto que cansava a vista, ela brilhou como uma supernova até o fim da pista

Em milhares de fragmentos a comoção, tornando a vida em cada coração

Posso dizer ela foi linda de coração, linda de sentimento, ela é tão linda a medida de cada elemento

Posso dizer que ela foi forte, firme em querer mais da vida, querer viver, mas com prazer, queria a vida e não nela se perder

Enquanto pode fez histórias, vendeu lembranças pra cada memória

E fez o que a arte precisou que fosse feito, expos em seu rosto a dor do peito

Seu nome é Amy e assim será pra sempre, por tanto eternamente

Ela ascendeu em cada coração, ela brilhou como uma explosão de estrela

Corpos celestes cobrem o céu e acendem meu novo dia, supernova

Na galáxia e em meu coração nunca se apagará, mesmo que por tempos este fragmentos venham vagar, pra sempre brilhará

Você foi surpreendente, aquecendo e acendendo o amor em nós

Você foi única e em unidade, fez tudo o que pode a medida de cada idade

Brincou, chorou, sorriu, estudou namorou, a cada detalhe experimentou

Fez o que pode pra viver a fantasia da alegria eterna, até explodir e se fragmentar nesta galáxia se transforma

Amy nossa supernova, nossa estrela nosso objeto brilhante, mesmo que em poeira seu brilho será constante

Pra sempre, eternamente, mesmo que a frente em uma nova hora, você será nossa supernova por toda nossa história

by: Sr. Patrono

Amy Jade Winehouse

Amy Jade Winehouse

– Este poema é uma homenagem a cantora e compositora de soul, jazz e R&B do Reino Unido, Amy Jade Winehouse (Londres, 14 de setembro de 1983 — Londres, 23 de julho de 2011).

Anúncios

Bullying

Tem gente que pensa que é legal, que pra muitos isso da moral

Existem pessoas que vivem a sorrir, mas onde esta o teu sorriso agora? Nada o faz existir

Zoam e caçoam dos que se sentem mais fracos, mas veja só no final onde esta tua força

Se unem e vão contra sua própria existência, são tão tolos e corroem sua própria resistência

 

Sorri, caçoa, zomba e faz o pior, mas em todos os seus momentos, suas malas carrega a só

Fazem da vida dos outros a sua tela sem cor, borram com tinta e a manchão com puro rancor

Excitam sentimentos ruins, levam a todos pra um caminho escuro e sem fim

São pessoas vazias e sem estímulos, merecem o nosso perdão, vamos juntos estender a eles nossa mão

 

Bullying não é legal, maltrata e destrói uma vida, rompe os laços e esburacando a terra

Vamos todos juntos dizer não as ofensas! Vamos todos dizer juntos sim a união e a vida, vamos nos unir e tratar as feridas

Bullying não é legal, seca um ser como uma planta em um vaso em meio a um grande deserto

Vamos nos unir, dar as mãos sincronizar nossos corações e deixar com que eles batam em um único som, vamos se juntar e o bullying abandonar!

Bullying é de ultima, é “UO”, fora de moda, cafona, sem graça, tudo de ruim, bullying não ta pra mim

Quero te vê junto comigo em força e em união, quero vê que ainda resta dentro de ti a humanidade, a compaixão, um fio de amizade

 

As pessoas têm medos, sentimentos que as tornam pequenas, mas desconheço esta dor, pois tenho amigos que não me botam a penhor

Peço que entenda, não ajas assim, o bullying não é legal, nao te faz ter moral e nem melhor do que podes ser

Peço que entenda, existe muito mais na vida do que pensas que tens, seja mais, não zoe, nem maltrate, seja você nesta terra um alguém, não te torne mais dela um refém

 

Nocivo, danoso, o bullying é odioso

Sem chance, sem graça, o bullying é uma farsa

Fraco, sem futuro, tolo, desnecessário, o bullying não te faz mais, só te torna incapaz

 

Seja inteligente, seja mais gente, diga não ao bullying!

Mostre ao mundo que você é mais, que você é capaz

Se junte a nós é dia não, mostre que há em você bem mais do que todos pensam

 

Coragem pra fazer valer as diferenças, força pra romper as barreiras

Justiça pra entender de que nem tudo é tão simples pra uns como é pra você

Vamos juntos se unir em meio a esta escuridão, andar de mãos dadas ao som de cada coração

Hoje e pra sempre ao bullying eu digo não!

by: Sr. Patrono

Sua história, meu poema

Quero saber, ouvir de você

Quero que me conte e que não me esconda nada

Preciso saber, preciso dessa história rara

Você não me conhece e nem eu a você

Mas quero que saiba que de mim pode beber

Eu nasci pra ser este instrumento, ao cair da noite ser este acalanto

Quero que me conte sua história, que me traga tudo da memória

A cada palavra um olhar e a cada novo verso um recomeçar

Não prometo curar a dor, mas o que tenho e ser teu meu senhor

A cada momento regurgitado, um segundo aproveitado

Vamos se fazer juntos imortais!

Petrificados, eternos, muito mais reais

Vou me esforça em te agradar, mas me desculpe se no fundo eu te machucar

Serei sincero e honesto com você, de mim você deverá beber!

Não quero ser nada, mas menos que nada o que posso ser?

Quero saber, ouvir de você

Quero que me conte e que não me esconda nada

Preciso saber, preciso dessa história rara

Quero que me de, me de pernas, mãos, forças pra vencer

Que me de palavras e que me ajude a viver e não apenas existir

Tatuagem em meu corpo, imagem presa por um olhar

Preciso de você, viver livre de algema

Preciso de sua historia, meu poema

by: Sr. Patrono

– A todos os meus leitores quero tentar uma coisa diferente, quero que me dêem histórias pra que eu tente transformá-las em poemas e versos, assim nós poderemos juntos aproveitarmos as lições que a vida nos de, uma maneira agradável e suportável de vivê-las. Tragam pra mim e eu dou de volta para vocês.