Novo tempo

Quando o brilho que há nesses olhos se apagar, quando me encontra no centro fosco de seus olhos castanhos, sei que de mim desprendera, mas que pra vida sempre haverá um bom motivo

Quando vê que em seu rosto não há mais um sorriso, que a parede amarela estampa minha casa, sei que pra muito sempre haverá um motivo pra uma boa gargalhada

Quando sentir que o sol só brilha pra quem não liga pra luz, que há mais glória na cerrada noite do que no ilustrado dia, sei que posso contar com teu amor, lembrarei do que já foi, em mim o que restou

 

Lembrarei do que já foi, pensarei no que ficou, ficarei sempre a pensar, pra sempre em nós dois, no quanto foi bom te amar

Tive paz quando fechei meus olhos, tive paz em nada poder vê, tive paz ao te conhecer

Amei em um suspiro, amei profundamente, por muito tempo amei tudo que houvesse entre a gente

Sonhei, sofri, senti doer, senti tudo, senti a eternidade ao estar junto a você

Vivi momentos bons ao teu lado, me deixando boas lembranças, vivi momentos inesquecíveis, pois um dia eu fui uma criança

 

Senti que tudo estava acabando, em minha vida terminando, senti tudo em minha vida se tornando ao fim vi ela chegando

Sei que um dia quando os pés não traçarem mais o seu caminho, quando nesta vida vier sozinho eu ainda estarei aqui

Eu sei que um dia quando os sentimentos entre a humanidade não passar de lembranças, pra muitos um miragem, uma viajem, eu irei sorrir, pensarei como foi bom um dia existir

 

Falo com firmeza, o tom das cores hoje ainda contagiam, mas passara

Falo com firmeza, o tom das notas musicas nos contagiam, mas passara

O amor hoje ainda comove, o amor hoje ainda nos move, o amor hoje ainda resolve, mas deixara

Peço que aproveitemos o que nos é dado com tanta fartura, não espere que vire uma frágil miniatura

Peço que aproveitemos agora, que não espere um minuto que seja, não espere mais! Que aguaremos agora, não diga tanto faz!

 

Não deixe que se torne uma iguaria, um direito de poucos, vivamos enquanto esta aqui, que a noite passe, mas faça o dia existir!

Não deixe que se torne uma peça de tua mobília, peça frágil que se parti ao cair, ame enquanto pode

Confesso que tenho medo, mas que tenho calma

Confesso que me preocupo, mas que tenho calma

As vezes me pergunto, onde é que esta, onde deixo minha alma?

Tenho medo do toque do tempo, da dor de velo passar, de minha vida se empolgar e com ele seguir caminhando e assim pra trás me abandonar

Mas meu medo maior é de não entender e não vê o que hoje esta tão claro, espero compreender, não quero procurar algo tão raro

 

Espero não ter que morrer pra entender o quanto à vida era tão obvia

Espero não ter que morrer pra enxergar e vê a resposta

Espero não ter que morrer pra compreender que o que meus olhos me mostram esta aqui em meu coração, que não preciso de um novo tempo e nem uma nova ração

Espero poder viver pro que faz sentido, mesmo que movido pela emoção, que seja eu em meu coração, quero mais um novo tempo pra tentar ter razão

by: Sr. Patrono

Anúncios