Do lado do avesso

Teve dias que chorei quando era para sorrir, chorava por estar feliz, não sabia o que fazer, só chorava em nada mais eu me encontrava

Teve dias que sorri pra disfarçar quanto na real o que queria era desesperadamente chorar, pois não podia em nada me encontrar

Tive raiva quando na verdade o que queria era pular de alegria, mas eu não consegui a razão não me permitia

Outras vezes quis pular de alegria, mas me fiz indiferente, dei de ombro e não me importei com que há entre a gente

 

Me chame de doido se quiser, me chame de sem noção, de alucinado, do que puder

Não me importo, na verdade me importo, mas não vou demostrar seja inteligente em meus momentos encontrar!

Do lado do avesso, tudo ao contrário, afinal a vida é uma questão de escolha, cada decisão é como frágil bolha de sabão, frágeis se estouram em suas mãos

Do lado do avesso, minha vida pelo contrário, há mais de mim dentro do meu armário

Em meus sonhos, em meus devaneios, há bem mais de mim em meios aos meus anseios do que em minhas conquistas, não importa o que aconteça ainda estou na pista

 

Quando quis me beija não permitir, mas tanto que queria, sonhava com teu beijo noite e dia

Quando quis falar te calei, selando os teus lábios e tanto que queria ouvir

Quando quis me abraçar me fiz distante, mas o que queria era ser pra toda tua vida constante

Não sei o que acontece comigo, não sei o que penso e nem o que tenho que pensar, sei que o quero em minha vida, e em nada consigo encontrar

 

Mas hoje eu compreendo e posso vê, sei que minha vida esta em você

Do lado do avesso, minha vida segue o contrário que quero que siga, mas ainda assim eu seguirei, em todos os momentos o dono de minha vida eu serei

Antes não me permitia, mas agora me deixarei ir, não importa o que eu faça que seja agora e em nada irei disfarçar, só o que quero é que por toda minha vida, nela eu possa me encontrar

by: Sr. Patrono

Anúncios

Pai

Fui travesso, desobediente, em momento indulgente, fui tolo e mimando, corria solto do teu lado

Houve dias que não sabia se queria e você me fez vê, em momentos de dúvidas me mostrou o que deveria escolher

Fui criança e em todos os dias quis ser você, via o que precisava ser visto, braço forte, mão amiga, foi tudo que eu precisei e veja só, em você eu me tornei

Eu fui encrenqueiro, teve fases que festeiro, gabado me achando o tal, mas com a palavra certa me fez cair na real

As fases foram passando e em passado se tornando, mas em minha vida você permaneceu

Sonhava em um dia que em você me encontraria e como você eu agiria, sem sombras de duvidas você é meu pai em quem meu ego se refaz

Meu pai me orgulho de você e não saberia se sem você poderia continuar a viver

Você é meu pai, meu amigo, minha força, meu abrigo

Você é meu pai a sombra que faz meus movimentos, como é bom te amar

Sei que muitos não tiveram sorte, e outros traídos pela própria morte

Sei que em casos há dor, marcas e rancor, mas não deixe que repita, trate agora procure a cura pra tua ferida

Seja forte, seja alguém, não deixem que não tenha o que de melhor um dia você não teve, vá além

Seja corajoso e mostre a cara, seja inteligente e deixe-o escolher, mostre o caminho, o que é viver

O amor esta pra todos nós, mas a dor caminha insegura, sega as escuras, procurando espaço pra se abrigar, em nossas vidas poder entrar

Existem barreiras, existem buracos, existe espinho, ventos fortes limpando os rastros

Existe um sonho há ser alcançado, peça ajuda e não tenha medo seja por dentro um pai e tenha a resposta pra teu segredo

by: Sr. Patrono