Autismo

Em um mundo único e isolado, sem aberturas, em suas paredes esconde o seu amparo

Fechado pro meu mundo em ilusão ao coração amargurado

Trazido pela dor da indiferença, vivendo a consequência de se estar só

Em muitos olhos o distante, inatingível, impenetrável ser de quem vive rodeado de tudo que é bom

Pode ser em um toque ou em um olhar, trazido pela distancia a pergunta que não quer calar

Em ritmos acelerados, em devaneios ou em uma vida inteira sem ação, apenas em um momento o pulsar de um coração

Mesmo que não se formem palavras, que não ecoe o som ainda assim tenha certeza ele é feliz, não foi ele quem quis.

Às vezes com muito som ou quem sabe no silêncio

Às vezes extremamente inteligente ou talvez tão indiferente

Com risos e gargalhadas, ou quem sabe não seja nada

Na luta e na dor, na força pra pelejar, o caminho segue até onde quer que esteja, pra fora deste mar

No calor de um abraço encontra forças pra viver, quer que apareça pra vida, cada dia mais o faz permanecer

No olhar fixo ao céu, em um instante parece estar hipnotizado sua vida se encontra tão distante, presa por todos os lados

É difícil de entender mais é preciso, se não como pode compreender e a vida fazer valer

É difícil conviver e se acostumar, mas é preciso dar as mãos para poder caminhar

É preciso estar perto, é preciso amar profundamente, é preciso ser pequeno, ser presente

É preciso querer e amar de verdade, mas que seja amor e não piedade

É preciso estar disposto e desejar muito isto, buscar a resposta, é preciso correr este risco

Hoje sei que nada compreendo, que ainda falta muito pra que enxergue como devo enxergar

Hoje sei que sou guiado pelo amor, trazido por ti amar, fortalecido em querer te dar mais, mesmo que seja pequeno, me fazer sagaz, você merece isso.

Hoje sei e compreendo que de tudo, mesmo que na cegueira, na surdez, na falta de força, na invalidez, eu estou aqui.

Hoje sei e entendo que o que te move é o meu amor, ele te cura e sara tua dor, te faz querer mais, dar mais um passo, ser capaz

Pra muitos isso parece ser loucura, desesperador, mas eu sei que o que mais importa é fazer abrir a porta e ver que há bem mais cores e mais sabor

As paredes destes quarto escondem bem mais do que se imagina

Os sons do rádio cantam bem mais do que podemos compreender

As luzes clareiam bem mais lugares do que podemos prever

O mundo é tudo que não conseguimos ser e se tornar em toda uma vida

Isso tudo por que sei que um único momento de dedicação vale bem mais do que toda uma vida ao empurrão

Peço a Deus toda força necessária, não que eu precise sacrificar toda esta dor, mas pra que eu consiga de pé mudar o rumo o seu sabor

Não quero fazer promessas, quero só esta aqui quando precisar, a todos eu peço se tens autismo vamos respeitar

by: Sr. Patrono

– A mídia (TV/Rádio/Internet) tem falado muito que precisamos compreender pra poder entender, então vamos juntos buscar este conhecimento.

Autismo – fita de quebra-cabeça

Anúncios

Um comentário sobre “Autismo

  1. Pingback: Palavra de fim de ano « Sr. Patrono Contos & Poesias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s