Namorados

Vivi tanto tempo cego, surdo, perdido em meio a uma grande uma grande multidão

Vivi tanto tempo vagando, andando sem saber o caminho a direção

Eu vivia perdido, sozinho, corria o mundo, mas nada havia lá

Eu vivia, não tinha outro jeito, não podia me matar

 

Meu coração doía tanto, meus olhos ardiam

Minha garganta era presa, meus lábios selados, eu não sabia o que era amor!

Sabia que deveria continuar caminhando, no fim encontraria um sentido pra tudo isso

Só sabia que de tanto caminhar me perderia, eu cairia, me cansaria, mas eu sabia que um dia eu iria te encontrar

Cair e levantar sempre, mas nunca deixar pra lá!

 

Meu coração dizia; continua não pare!

Minha mente dizia: pare agora, vá pra cama, vá descansar!

Mas eu sabia que de nada adiantaria se eu não soubesse o que fazer

Preferi fechar meus olhos e dizer eu vou!

Não quis mais saber, não me preocupava se iria me perder, só não queria ficar mais só

 

Então eu encontrei, de tanto caminhar eu encontrei

Um amor pra mim, uma nova alegria

Encontrei você, e olha só, fora nostalgia!

Meu coração não dói mais, meus olhos brilham ao te vê

Minha garganta canta, e meus lábios correm ao encontro do teu

 

Hoje estou assim, feliz, fora de mim

Hoje sou assim, um deleite, vejo que viver não é mais tão ruim

Hoje te encontrei, confesso muito procurei, mas o que fazer te achei!

Agora somos dois, mas vivemos em um

Somos loucos, cúmplices, ciumentos, justos somos mais

Somos eu e você, somos imortais

 

Parei de procurar por hoje ter te achado

Hoje confesso, você é bem mais do que havia esperado

Hoje vivemos bem, lado a lado, vivemos cada dia, somos eu e você, somos namorados

by: Sr. Patrono

Anúncios

Pessoas

Ultimamente tenho pensado muito na vida

Pensado, pensado, mas pra quer pensar, afinal isso não tem me levado a lugar algum!

Não entendo mesmo, às vezes me pego olhando pro azul do céu, borrado com o branco das nuvens, e quando dou conta estou pensando outra vez

Sabe de repente a chuva começa a cair e fico olhando, e logo, estou perdido outra vez, novamente estou pensando

 

Penso muito no amor, na vida em todas as suas passagens

Penso no tudo como se nunca houvesse nada

Penso na dor, e percebo que ela nunca acaba, só espera o melhor momento pra voltar

Penso no poder do dinheiro, ele nos faz fraco, nos faz guerreiros

Penso principalmente em mim, onde estou?

 

Sim, onde estou no meio de tudo isso?

Costumo muito dizer que “viver é muito mais do que existir!”

Olho e me procuro, mas nada vejo esta tudo vazio, mas…

Vejo pessoas por todo o lado, pessoas de todo o jeito

Vejo pessoas se matando, pessoas se amando, vejo pessoas do bem, pessoas ruins também

Vejo pessoas, em uma grande estrada sem fim, pessoas longe outra bem perto de mim

 

E me pergunto o que são? Só pessoas

Estão pessoas, não sei onde vamos parar, não mesmo, não posso nem imaginar

Pessoas que antes se casavam, mas hoje só se separam

Antes lutavam para dar à vida, mas hoje a tiram sem nenhuma dor de barriga

Pessoas morrem e logo estão celebrando, não se importam mais, não vem com os olhos da paz

 

Penso nessas coisas e fico tão pra baixo

Mas ai é que entendo, não devo pensar

Essas coisas vêm e vão, não temos como controlar

Essas coisas estão e são, deslizam em nossas mãos

Mas tem algo que sempre poderemos fazer

Mesmo que doa, que nos faça sangrar

Por menor que seja, estas pessoas deverei amar

by: Sr. Patrono